quarta-feira, 29 de outubro de 2014

(in)sônia

Guardei o sono dentro de mim.
Com o tropeço tudo revirou,
E agora não sei onde ele está.

Nenhum comentário:

Postar um comentário