domingo, 10 de agosto de 2014

Do sonho de poder sonhar a dois

Refaço os meus sonhos
Para rimar com os seus.

E no silêncio eu espero
Que nossos sonhos se encontrem
E num dia de sol, se amem
E juntos a sonhar comecem.
E no silêncio, eu espero.
Sem esperar muito de tudo
O que o dia traz.
Só espero que ele traga você.

Receita

Poesia
À conta gotas.
Todo dia,
A vida toda.