sexta-feira, 31 de outubro de 2014

Bom do amor

Bom do amor
É o desespero
Jogar-se no chão
Surrupiar um beijo
Gritar, clamar, declarar
Impedir que qualquer ódio
Leve embora o tão sonhado
Bom do amor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário